COTIA - Primeiro dia de greve do funcionalismo conta com mais de 500 Servidores nas ruas

COTIA - Primeiro dia de greve do funcionalismo conta com mais de 500 Servidores nas ruas
Conforme deliberado em assembleia na última semana, o funcionalismo de Cotia cruzou os braços na manhã de hoje, dia 30 de julho. Desde às 9 horas da manhã, os Servidores se concentraram em frente ao Paço Municipal para tentar dialogar com o prefeito. Sem sucesso, mais uma vez, os trabalhadores optaram por uma passeata pelas principais ruas da cidade a fim de manifestar a insatisfação com o descaso da Prefeitura e informar os munícipes sobre a situação.

O ATO - O Sintrasp, na pessoa do presidente Antônio Rodrigues dos Santos (Toninho do Caps), e a Comisão de Servidores eleitos pela categoria lideraram os trabalho durante todo o movimento. A passeata seguiu até a praça Joaquim Nunes, onde ocorreu uma assembleia que deliberou a manutenção da greve, com atos de conscientização da população e dos demais trablahadores amanhã (31) e nova concentração e manifesto na quarta (1º), às nove horas, em frente à Prefeitura. Confira todos os detalhes no site www.sintraspcotia.com.br.

FALA AÍ, PRESIDENTE - Toninho afirma: "Contamos com um grande número hoje, mas ainda precisamos de mais. Os Servidores não são atendidos pelo Governo e, por isso, estamos em greve. Já que o diálogo não é uma opção do prefeito, a luta do funcionalismo permanece. Contamos com o apoio da população e não vamos parar até uma solução justa para nossas reivindicações. A luta continua!".

FALE CONOSCO E FIQUE BEM INFORMADO - Acesse nossas redes sociais
e interaja conosco pelo Facebook, Flickr e Instagram. Conheça também nosso canal oficial no YouTube. Fale com o Sindicato pelos telefones (11) 2284.3500 (Osasco) e (11) 4616.5746 (Cotia) ou pelo nosso e-mail contato@sintrasp.com.br
FIQUE POR DENTRO DAS REDES SOCIAIS
Além do site, todo material produzido pela equipe de imprensa do Sintrasp também é compartilhado nas redes sociais.
 
TV SINTRASP - Aqui o Servidor é destaque
PARCERIAS DO SINTRASP